Menu

Ligações de ofertas para empréstimos à recém aposentados

Prática é muito comum entre agentes financeiros e isso acaba incomodando os beneficiários.

Recentemente o Fantástico abordou um tema muito comum na rotina do dia a dia de quem acaba de se aposentar. Todos os dias milhares de ligações são feitas por agentes financeiros para aposentados, sempre com a mesma história tentando “empurrar” valores fáceis através de empréstimos.

Esta prática além de incomodar os beneficiários, acaba comprometendo a renda mensal pois os valores são retidos na “fonte” assim que o contrato é fechado. Normalmente as ligações começam a partir do primeiro mês, sempre de forma constante, até que muitos acabam cedendo a “pressão” e se afundando em dívidas.

É preciso estar atento a este tipo de exploração, pois muitos aposentados acabam entrando de forma inocente, sempre com a promessa de juros baixos e longos prazos de pagamento.

Como é feito o contato com o aposentado?

Considerado um assédio abusivo, pois muitos agentes financeiros acabam ligando todos os dias, mais de uma vez por dia ou então ficam às portas das agências do INSS e de bancos federais como o Banco do Brasil e a Caixa Econômica. Os alvos são sempre os mesmos.

Quando o contato é feito pessoalmente, há pessoas denominadas como “laçador”, onde o objetivo é distribuir panfletos e conversas que precisam convencer os aposentados a se interessar sobre os empréstimos. As promessas superam inclusive regras financeiras como, por exemplo, o comprometimento de mais de 30% da renda mensal.

Uma regra utilizada por grandes financeiras é comprometer apenas 30% dos valores recebidos através do benefício. Mas os laçadores acabam prometendo desconsiderar esta regra, onde o objetivo é realmente comprometer a renda do aposentado.

No caso das ligações, há um sistema onde todos os dados dos aposentados, principalmente nome, telefone e valores são armazenados, sendo a referência de centenas de agentes pelo país. Mesmo com a solicitação da remoção dos contatos deste banco de dados, ainda sim há uma “teimosia” por parte dos agenciadores.

Prática abusiva

O empréstimo consignado em si é uma pratica legal, desde que siga as regras financeiras, principalmente o não comprometimento de mais de 30 % dos valores mensais. Porém a forma como ele é oferecido para os aposentados é que acaba sendo ilegal e abusivo.

É preciso inclusive estar atento a fraudes e empréstimos sem qualquer autorização prévia. Em hipótese alguma forneça o seu CPF (apesar de também estar no sistema) ou assine papeis sem conhecimento prévio, principalmente aqueles que estejam em branco.

É complicado deixar de atender ligações, mas evite atender números desconhecidos e principalmente não caia na pressão.

Qualquer prática abusiva pode ser denunciada ao Procon de sua região ou no INSS. Todos os dados da ouvidoria da Previdência Social podem ser encontradas através do seguinte endereço:

Compartilhe no Facebook

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *