Menu

Reforma: Governo recua e Idade para Aposentadoria cai para 40 anos

mudanças-reforma-previdencia-social

O Governo Federal já estuda uma nova idade para aposentadoria integral do trabalhador. Na proposta da Reforma da Previdência, havia sido estipulado que para conseguir se aposentar com salário integral, o trabalhador deveria contribuir por 49 anos com a Previdência.

Mas com a pressão da oposição e grande rejeição da população diante das mudanças propostas pela Reforma, O Governo Temer acabou cedendo e diminuiu para 40 anos o tempo para receber o 100% do benefício .

As alterações nas regras devem ser apresentadas ainda nesta terça-feira (18/04). Se aprovadas, para conseguir o benefício integral de Aposentadoria, o trabalhador deverá contribuir por 40 anos, e não por 49, conforme proposto anteriormente. As informações foram divulgadas de forma não oficial pelo relator e deputado Arthur Maia (PPS-BA).

O que pode mudar

Segundo detalhes do interlocutor,  com a mudança no relatório de reforma da Previdência, o trabalhador que contribuir pelo período mínimo de 25 anos, já poderá se aposentar recebendo 70% do salário de benefício. E o trabalhador que deseja receber o salário melhor, receberá um bônus adicional para cada ano a mais contribuindo com a Previdência.

De acordo com informações extra oficiais, a nova proposta de reforma permitirá ao trabalhador aposentadoria integral se contribuir por 40 anos com o INSS. O cálculo, seria feito da seguinte forma:

  • O segurado irá ganhar aumento de 1,5% por cada ano a mais de contribuição, a cada cinco anos (7,5% de aumento)
  • O segurado irá ganhar aumento de 2% por ano nos próximos cinco anos (10% de aumento)
  • O segurado irá ganhar aumento de 2,5% por ano nos próximos cinco anos (12,5% de aumento)

Ou seja, de acordo com os opções acima, caso seja aprovado o trabalhador poderá chegar aos 100% de benefício de salário quando contribuir por mais 15 anos com a Previdência. Desta forma, somando-se os 25 anos de contribuição obrigatória, seriam obrigatórios mais 15 anos para conseguir o benefício integral na aposentadoria.

 

Segunda opção

Outra proposta que pode ser apresentada, defende que o trabalhador que atingir os 25 anos de contribuição, receba inicialmente 60% da média de seu salário de benefício. E caso o trabalhador decida continuar trabalhador, irá receber 1% a mais de sob o salário por cada ano a mais de contribuição. Desta forma, também seriam precisos 40 anos de contribuição para receber o benefício integral.

As mudanças são para permitir que o trabalhador faça sua escolha, entre a aposentadoria mais jovem ou com maior salário. O segurado que optar por trabalhar por mais tempo, poderá receber sempre a cada ano, uma bonificação sem seu salário.

Saiba como funciona a aposentadoria por idade na regra atual.

Proposta anterior

A nova proposta da reforma da Previdência pelo Governo Temer, pode garantir um salário de aposentadoria até 11% maior que a proposta anterior. Antes, o Governo defendia que o trabalhador que contribuísse com 25 anos com INSS, teria direito somente a 51% de sua média salarial, com um aumento de 1% até chegando a totalidade do valor.

Com a nova proposta, o benefício parta de 70% no início, sendo aumentado a cada ano a mais de contribuição do trabalhador. Tanto a primeira como segunda opção de alteração no texto, defendem o tempo de 40 anos de contribuição para aposentadoria com 100% de salário de benefício.

Compartilhe no Facebook

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Dicas de Aposentadoria
no seu email

Receba grátis no seu email dicas sobre aposentadoria e como ganhar mais